Minhas Heroínas – Katherine Mansfield

Depois que eu publiquei o post anterior, começaram a aparecer na publicidade do Google uns anúncios de rehab. Eu demorei um pouco prá sacar porque, mas depois de matutar um pouquinho percebi que era por causa da palavra heroína no título do post. Dei umas boas risadas e decidi remover aquele coisa daqui, não sei se é incompetência minha em administrá-la, mas como a audiência aqui é nula, não tinha sentido mais manter aquele mico com anúncios absurdos. De agora em diante, só vou colocar banners para campanhas e causas que apóio. Fica mais honesto. Dito isso e sem o risco de encaminhar meus leitores (?) para uma reabilitação, vou falar sobre mais uma das minhas heroínas: Katherine Mansfield. Continue reading